domingo, agosto 24, 2008

Bienal do Livro

Sim, tenho noção que a Bienal do Livro terminou hoje, mas só consegui passar por lá ontem e escrever este texto hoje...

A Bienal Internacional do Livro de São Paulo teve entre os dias 14 e 24/08/08 a sua 20ª edição e contou com vários lançamentos, sessões de autógrafos e um suposto verdadeiro deleite para os amantes da leitura. Por que suposto? Porque 11 dias é muito pouco, o que tornou o local super lotado e fez com que algumas coisas ficassem deixando a desejar.

Para que haja uma idéia geral, uma breve explicação - sintética ao extremo - sobre a estrutura do evento, bastante similar ao Salão do Automóvel e à Super Casas Bahia: stands de todos os tipos e segmentos de envolvidos com os produtos em exposição (no caso, editoras, livrarias, instituições e lojas virtuais...), alguns serviços e uma praça de alimentação.

Fomos eu e Tainá. Comecei bem empolgada, olhando um pouco de cada stand, além do ambiente em geral... Logo percebi três coisas: a quantidade de profissionais ligados à área, como professores e autores, a quantidade de enventos voltados às crianças e que levaria uns 200 anos para ver tudo, sendo provavelmente me interessaria por mais livros do que o saldo bancário comporta...

Acabamos por só bater os olhos em muitas coisas para otimizar o tempo e, após concluir a missão que nos levou ao local e com a multidão aumentando a cada minuto, acabamos por ir embora em menos de 4 horas de passeio.

Devo confessar que estou orgulhosa de mim mesma, comprei só 2 livros e 3 cópias do mangá da Turma da Mônica (missão que me levou a tal local de grande periculosidade para o bolso rs)... Entretanto, por mais que tenha gostado da experiência como meio de contato com o mundo dos livros, pude notar - como era de se esperar - alguma possível diferença entre os preços lá e no mundo normal (tanto para maior quanto para menor), que comer nesses lugares é certeza de prejuízo e que há de se ir sempre armado de muita paciência... Afinal, 25 minutos de fila para pagar pelos gibis e entrar no stand de uma livraria e não conseguir me mexer, ao ponto de me sentir mal, desgastaram um bocadinho a minha experiência...

2 comentários:

Juliana disse...

No mínimo a senhorita não foi cedo... eu cheguei lá às 10h30 do sábado anterior e achei MEGA-tranquilo... comi bem, direitinho, não tinha fila em mta coisa... enfim, foi um dos meus anos preferidos.
Só 2? Good job! O que comprou?

Ah, Tommy está de pata enfaixada! Deu uma topada em algum lugar e quebrou a unha do pé (rs...), saiu uma sangueira só... tadinho!

bjos e boa semana ;)

Lulu on the Sky® disse...

Infelizmente não pude ir.
Big Beijos